No dia 29 de julho, o Banco do Brasil anunciou mais um plano de reestruturação. Denominado Plano de Adequação de Quadros (PAQ), ele atingirá milhares de bancárias e bancários em razão da redução de quadros e salários.

Diante de mais este ataque ao BB e aos trabalhadores por parte do atual “desgoverno”, funcionárias e funcionários do banco, em todo o país, realizam, nesta sexta-feira, 9 de agosto, um Dia Nacional de Luta contra a reestruturação. Os trabalhadores exigem mais transparência sobre o PAQ, que atinge superintendências, órgãos regionais, setores internos e agências.

Em Belo Horizonte, o Sindicato realizará um ato em frente ao prédio do BB na rua da Bahia, 2500, a partir das 10 horas. Para mostrar sua indignação, independentemente do local de trabalho, todos os funcionários e funcionárias devem vestir preto, nesta sexta-feira, em solidariedade ao ato e contra a reestruturação.

Segundo informações do BB, o número de postos de trabalho será aumentado em 1.505 agências, mas reduzido em 1.765 unidades. Sem detalhar as mudanças, o banco informou que a Plataforma de Suporte Operacional (PSO) sofrerá redimensionamento, o que já está afetando a rede de caixas. O movimento sindical cobra esclarecimentos.

As Gerências Regionais de Apoio ao Comércio Exterior (Gecex) também passarão por alterações, com a criação de unidades de negócios especializados, escritórios de comércio exterior digital e redimensionamento. Isso fará com que sejam abertas vagas de assistentes, mas a rede perderá uma série de funcionários, principalmente escriturários.

Plano de Desligamento Voluntário

Além do fechamento de agências e movimentação de pessoal, o banco prepara um novo Plano de Desligamento Voluntário (PDV), com adesão voluntária e de caráter pessoal.

Ainda não há informações oficiais sobre o PDV, mas as entidades representativas já apuraram que o plano só será validado nas agências que tiverem “quadro em excesso”. Os trabalhadores cobram transparência do banco no processo.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

 

Compartilhe: