Foto: Contraf-CUT

 

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), federações e sindicatos se reuniram, nesta terça-feira, 5, em São Paulo, com os representantes do Banco Pan para dar continuidade à negociação sobre a renovação do Programa de Participação nos Resultados (PPR). O diretor do Sindicato Marco Aurélio Alves representou a Fetrafi-MG/CUT na negociação.

A proposta apresentada pela Contraf-CUT ao banco é de abrangência nacional para o período de 2017/2018 e envolve a redução de tetos salariais, metas e competências, além de incluir todos os trabalhadores da área comercial, que foram enquadrados na categoria bancária ao final do ano passado.

“Estamos discutindo este assunto com o banco há cinco anos e, a cada ano, procuramos negociar de forma que o programa seja distribuído melhor para todos os trabalhadores com faixa salarial menor que os diretores e superintendentes”, afirmou Jair Alves, coordenador das Financeiras da Contraf-CUT.

O banco se comprometeu a avaliar as reivindicações dos trabalhadores e apresentar uma resposta até o dia 11 de setembro.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: