1. Reajuste: 8,0% (1,82% de aumento real).
  2. Pisos: Reajuste de 8,5% (ganho real de 2,29%).
  3. PLR regra básica: 90% do salário mais valor fixo de R$ 1.694,00 (reajuste de 10%), limitado a R$ 9.087,49. Se o total apurado ficar abaixo de 5% do lucro líquido, será utilizado multiplicador até atingir esse percentual ou 2,2 salários (o que ocorrer primeiro), limitado a R$ 19.825,86.
  4. PLR parcela adicional: aumento de 2% para 2,2% do lucro líquido distribuídos linearmente, limitado a R$ 3.388,00 (10% de reajuste).
  5. Auxílio-refeição: de R$ 21,46 para R$ 23,18 por dia.
  6. Cesta-alimentação: de R$ 367,92 para R$ 397,36.
  7. 13ª cesta-alimentação: de R$ 367,92 para R$ 397,36.
  8. Auxílio-creche/babá: de R$ 306,21 para R$ 330,71 (para filhos até 71 meses). E de R$ 261,95 para R$ 282,91(para filhos até 83 meses).
  9. Gestores ficam proibidos de enviar torpedos aos celulares particulares dos bancários cobrando cumprimento de resultados.
  10. Abono-assiduidade (novidade): 1 dia de folga remunerada por ano.
  11. Vale-cultura (novidade): R$ 50,00 mensais para quem ganha até 5 salários mínimos, conforme Lei 12.761/2012.
Compartilhe: