Nesta quarta-feira, 29 de agosto, bancárias e bancários de Belo Horizonte e região realizam assembleias para discutir e deliberar sobre as propostas apresentadas em mesa de negociação pela Fenaban, pela CAIXA e pelo Banco do Brasil. Elas serão realizadas às 18h30 em primeira convocação e às 19h em segunda convocação.

Confira os locais de cada assembleia:

Funcionários de bancos privados: Associação Médica de Minas Gerais – Auditório Lívio Renault – Avenida João Pinheiro, 161, Centro – Belo Horizonte.

Empregados da CAIXA: Sede do Sindicato – Rua dos Tamoios, 611, Centro – Belo Horizonte.

Funcionários do Banco do Brasil: Associação Médica de Minas Gerais – Teatro Oromar Moreira – Avenida João Pinheiro, 161, Centro – Belo Horizonte.

Em pauta, estão a avaliação das propostas, dentre elas a taxa negocial como mecanismo de participação dos trabalhadores na sustentabilidade da luta, e deliberação acerca de paralisação das atividades.

Propostas garantem aumento real e direitos conquistados

Numa das mais difíceis conjunturas dos últimos tempos, dentro de um golpe que retirar direitos e busca dividir e enfraquecer os trabalhadores, os bancários conseguiram arrancar dos bancos uma proposta de acordo com aumento real e manutenção de todas as cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), garantindo a unidade nacional da categoria.

A proposta final foi apresentada no sábado, 25 de agosto, após dez rodadas de negociação e intensa mobilização da categoria em todo o Brasil. Em Belo Horizonte, o Sindicato realizou com os trabalhadores diversos atos, inclusive retardando a abertura de agências para pressionar os bancos.

O reajuste salarial proposto é de 5% (aumento real de 1,18% sobre uma inflação do INPC projetada em 3,78%). O acordo teria validade de dois anos, ficando garantidas, até 2020, a manutenção de todos os direitos e a reposição total da inflação (INPC) mais 1% de aumento real para salários e demais verbas em 1º de setembro de 2019. Se aprovada a proposta, a primeira parcela da PLR será paga em 20 de setembro.

O acordo proposto tem validade de dois anos. Assim, ficariam garantidas, até 2020, a manutenção de todos os direitos e a reposição total da inflação (INPC), mais 1% de aumento real para salários e demais verbas em 1º de setembro de 2019.

Os trabalhadores também garantiram, nas mesas de negociação, a manutenção dos acordos coletivos específicos com a CAIXA e o Banco do Brasil.

Diante da conjuntura, o Comando Nacional dos Bancários orientou a aprovação das propostas apresentadas pelos bancos.

Saiba mais sobre a proposta da Fenaban.

Saiba mais sobre a proposta da CAIXA.

Saiba mais sobre a proposta do Banco do Brasil.

EDITAL ASSEMBLEIA GERAL EXTRAORDINÁRIA DOS EMPREGADOS EM ESTABELECIMENTOS BANCÁRIOS, BANCOS PRIVADOS, BANCOS PÚBLICOS FEDERAIS E ESTADUAIS, LOTADOS NA BASE TERRITORIAL DO SEEB/BH E REGIÃO.

Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Belo Horizonte e Região, inscrito no CNPJ/MF sob o nº 17.218.165/0001-37, Registro sindical nº livro 003, página 014,  por sua presidenta abaixo assinada, convoca todos os empregados em estabelecimentos bancários dos bancos públicos federais e estaduais e bancos privados, sócios e não sócios, da base territorial deste sindicato, para a assembleia geral extraordinária que se realizará no dia 29/08/2018 (quarta-feira) às18h30, em primeira convocação, e às 19h00, em segunda convocação, sendo as assembleias nos seguintes locais: Banco do Brasil – Associação Médica de Minas Gerais – Teatro Oromar Moreira, Av. João Pinheiro, 161, centro, Belo Horizonte/MG;  Bancos Privados – Associação Médica de Minas Gerais – Auditório Lívio Renault, Av. João Pinheiro, 161, centro, Belo Horizonte/MG; Caixa Econômica Federal: Rua Tamoios, nº 611, centro, Belo Horizonte/MG, para discussão e deliberação acerca da seguinte ordem do dia: 1. Avaliação e deliberação sobre a proposta apresentada pela FENABAN em 24/08/2018; 2. Deliberação acerca de paralisação das atividades por prazo indeterminado. Belo Horizonte, 27 de agosto de 2018 – Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Belo Horizonte e Região – Eliana Brasil Campos – Presidenta.

 

Compartilhe: