Funcionárias e funcionários do Banco Safra em BH e região aprovaram, em Assembleia virtual realizada nos dias 30 de junho e 1º de julho, o Acordo Coletivo de Trabalho que trata da suspensão temporária do contrato de trabalho e de redução parcial de jornada e salário durante a pandemia. Dos 98 votos totais, 83 (84,69%) foram favoráveis ao acordo, 14 (14,29%) contra e 1 ( 1,02%) abstenções.

Entre as conquistas, estão a garantia de manutenção do salário líquido dos bancários impactados por suspensão de contrato ou redução de jornada, além da adesão ao acordo de não demissão. Além disso, o Safra se compromete a aplicar a suspensão de contrato preferencialmente aos bancários incluídos no grupo de risco para a Covid-19, garantindo um maior tempo em isolamento social sem prejuízo ao salário líquido, e a adesão ao acordo de não demissão.

Para os gerentes comerciais, entre outras vantagens descritas no acordo, a readequação para gratificação de função os iguala aos outros profissionais do mercado que exercem a mesma função, garantindo a oportunidade de aumentar a remuneração. Cada bancário que se enquadrar nesta mudança receberá comunicado detalhando as vantagens que passarão a usufruir com a formalização do acordo.

O documento tem vigência entre 1º de junho de 2020 e 1º de dezembro de 2021.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região

 

Compartilhe: