4c1f4c65-f1f4-4780-abfd-faadb7e3dc6f

Bancárias e bancários de BH e região aderiram, nesta sexta-feira, 11, ao Dia Nacional de Greve e de Paralisações. O movimento conta com a mobilização de trabalhadores em todo o país e o Sindicato participou da manifestação realizada no centro de Belo Horizonte. Trabalhadoras e trabalhadores protestam contra a PEC 55, que congelará por 20 anos os investimentos, contra a reforma da Previdência e contra a reforma trabalhista.

Utilizando a justificativa do ajuste fiscal, o presidente ilegítimo, Michel Temer, quer beneficiar grandes empresários e especuladores através da retirada de direitos e do comprometimento do futuro de milhões de brasileiros.

A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 55, antes chamada de PEC 241, pretende congelar os gastos do governo durante 20 anos. Os investimentos poderiam ser corrigidos apenas pela inflação dos doze meses anteriores, desconsiderando o crescimento da arrecadação e impedindo que futuros governos alterem a política econômica. Isso comprometeria gravemente setores essenciais como a saúde e a educação públicas.

Já a reforma da Previdência que o governo ilegítimo tenta impor garantirá aposentadoria somente a partir dos 65 anos para homens e mulheres. Isto penaliza especialmente quem começou a trabalhar cedo e os jovens que ainda não entraram no mercado de trabalho.

Além disso, a reforma trabalhista quer flexibilizar a legislação e retirar importantes direitos, como o FGTS, férias remuneradas, 13º, licença-maternidade e paternidade, auxílio creche, entre outras garantias. O governo vem se mostrando também favorável à terceirização sem limites, em todos os cargos das empresas, o que significará salários mais baixos, jornadas mais longas e condições precárias de trabalho.

Os trabalhadores mobilizados nesta sexta-feira também defenderam o patrimônio público, contra a entrega do Pré-Sal a companhias estrangeiras. Esta importante riqueza que o governo está entregando poderia garantir importantes recursos para a saúde e a educação públicas, beneficiando esta geração e as gerações futuras de brasileiros.

 

Confira mais imagens da mobilização:

Compartilhe: