Os bancários mineiros realizam nos próximos dias 6, 7 e 8 de julho,  no Hotel Fazenda Tauá, distrito de Roças Novas, no município de Caeté, a 14ª Conferência Estadual dos Trabalhadores do Ramo Financeiro de Minas Gerais 2012. Organizado pela Fetraf-MG o evento estará aberto à participação de todos os trabalhadores e trabalhadoras do ramo financeiro da base dos sindicatos filiados á Federação.

Durante a Conferência serão proferidas palestras sobre diversos temas de interesse dos trabalhadores como Saúde do Trabalhador, pela advogada e assessora jurídica do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Maria Leonor Poços Jakobsen; Sistema Financeiro, pelo Doutor em Ciências Políticas da Universidade Federal Fluminense (UFF), Professor Marcus Ianomi; Conjuntura Nacional pela economista e técnica do Dieese do escritório regional de MG, Regina Coeli Moreira Camargos e Campanha Nacional dos Bancários 2012/2013, pela diretora da Contraf-CUT, Ivone Silva. No final do evento, os participantes  elegerão os representantes de Minas para a Conferência Nacional que ocorrerá entre os dias 20 e 22 de julho, na Expo Unimed, em Curitiba-PR.

Os temas que orientarão a Convenção Estadual são os mesmos que nortearão a Conferência Nacional e foram definidos durante o seminário do Comando Nacional, realizado em São Paulo, dias 22 e 23 de maio de 2012 com quatro grandes eixos. O eixo um, sobre emprego, abordará terceirização, correspondente bancário, rotatividade e demissões. O eixo dois, sobre remuneração, debaterá aumento real, aumento do piso, PLR, previdência e PCS. O eixo três debaterá condições de trabalho, saúde e segurança bancária. Já o eixo quatro, que discutirá Sistema Financeiro Nacional, abordará redução dos juros, regulação do Sistema Financeiro e  a realização de Conferência sobre o Sistema Financeiro.

Participarão da Conferência Nacional os delegados natos compostos pelos 35 representantes no Comando Nacional, sendo um representante de cada uma das 10 federações, um da Contraf-CUT e um representante dos seguintes sindicatos: ABC, Acre, Alagoas, Amapá, Bahia, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campo Grande, Ceará, Curitiba, Espírito Santo, Florianópolis, Mato Grosso, Pará, Paraíba, Piauí, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Rondônia, Roraima, São Paulo, Sergipe e Pernambuco. Os delegados eleitos somam o total de 695 bancários entre delegados e observadores, sendo que Minas Gerais tem direito a 38 delegados e quatro observadores.

Cada Federação é responsável por organizar a sua Conferência Regional que deverão privilegiar os debates e remeter os assuntos polêmicos para deliberação na Conferência Nacional. A condição para ser delegado à Conferência Nacional é que o bancário tenha participado da sua Conferência Regional e lá tenha sido eleito.

A presidenta do Sindicato, Eliana Brasil ressaltou a importância da Conferência Estadual como espaço democrático de debate  preparatório da Conferência Nacional que irá definir os rumos da Campanha Salarial 2012/2013. “É na Conferência Estadual que iremos amadurecer os debates sobre temas fundamentais que nortearão a nossa campanha salarial deste ano. Daí a importância da participação de todos para que possamos dar a nossa contribuição e construir uma campanha salarial forte e vitoriosa também este ano”, afirmou.

Compartilhe: