No mesmo dia em que a FENABAN recebeu a pauta de reivindicações dos bancários de todo o país, o Comando Nacional dos Bancários entregou, nessa quarta-feira, dia 1º de agosto, à direção do Banco do Brasil, a pauta específica de reivindicações do funcionalismo. As demandas foram aprovadas no 23º Congresso Nacional dos Funcionários, que aconteceu em junho, em Guarulhos.
 
As negociações das questões específicas do Banco do Brasil ocorrerão simultaneamente às discussões da pauta geral dos bancários. A primeira rodada com o Banco do Brasil foi agendada para os dias 13 e 14 de agosto, em Brasília. Ela acontece entre a primeira e a segunda negociação entre o Comando Nacional e a FENABAN, que ocorrem nos 7 e 8 de agosto e nos dias 15 e 16 de agosto, em São Paulo.
 
Confira as principais reivindicações específicas do BB

 
– Melhorias no Plano de Carreira e Remuneração.
 
– Negociação do Plano de Comissões.
 
– PLR sem vinculação com o programa de metas Sinergia.
 
– Jornada de 6 horas para todos, sem redução do salário.
 
– Fim da PSO e volta dos caixas e gerentes de serviços para as agências.
 
– Fim dos descomissionamentos e seleção interna para promoção em todos os cargos.
 
– Remoção automática para o preenchimento de todas as vagas de escriturário.

– Assinatura do Protocolo de Prevenção de Conflitos e revisão dos Comitês de Ética.
 
– Cassi e Previ para todos, sem redução de direitos.

– Fim do voto de Minerva na Previ.

– Delegados sindicais para todas as dependências do banco.
 
– Acabar com o truque da direção do BB de enganar os clientes e a sociedade com o “Bom para Todos”.

 

Compartilhe: