Foto: Reprodução

 

Os grandes bancos brasileiros anunciaram que, entre 2 e 6 de dezembro, parte das agências terão o horário estendido até as 20h para renegociações de dívidas e educação financeira. A ação faz parte de um acordo firmado entre Banco Central e Febraban (Federação Brasileira de Bancos). Aderiram à iniciativa, que envolverá 261 agências em todo o país, Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, CAIXA, Itaú e Santander.

O movimento sindical cobrou esclarecimentos dos bancos sobre a ação e o correto pagamento de direitos dos bancários envolvidos.

As entidades que representam os trabalhadores bancários destacam que os bancos devem respeitar o processo negocial, construído ao longo de décadas, e que a categoria tem uma Convenção Coletiva de Trabalho em plena validade.

Desta forma, cobram que não se aproveitem da MP 905 para não pagar as devidas horas-extras aos bancários envolvidos na operação de renegociação de dívidas.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com SP Bancários

 

Compartilhe: