O Bradesco e o HSBC informaram, nesta terça-feira, 5, que o Banco Central aprovou da venda das operações do HSBC Brasil para o Bradesco. A conclusão da operação está sujeita, ainda, à aprovação dos demais órgãos reguladores competentes, dentre eles o Conselho de Administrativo de Defesa Econômica (Cade), além do cumprimento das formalidades legais.

O Banco Bradesco S.A. comunicou ao mercado, aos seus acionistas, clientes e funcionários sobre a aprovação da aquisição de 100% do capital social do HSBC Bank Brasil S.A. – Banco Múltiplo e do HSBC Serviços e Participações Ltda. Já o HSBC divulgou um comunicado para seus funcionários pela intranet.

O Banco Central também autorizou a criação do HSBC Banco de Investimentos, por meio do qual o HSBC pretende continuar a atender grandes corporações em suas necessidades internacionais após a concretização da venda.

O início das operações do HSBC Banco de Investimentos, portanto, está condicionado à concretização da venda das operações do HSBC Brasil, após a aprovação completa dos órgãos reguladores.

O comunicado do HSBC termina com o alerta de que “neste momento, não haverá nenhuma mudança no HSBC Brasil ou no dia a dia das nossas operações e nossos colaboradores devem continuar trabalhando normalmente.”

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: