Em resposta a cobranças feitas pelo Sindicato e pela Comissão de Organização dos Empregados (COE), o Bradesco informou que continuará divulgando os números de telefone dos gerentes nas agências.

Segundo o banco, os telefones divulgados nos totens do interior das agências são corporativos e, por isso, só funcionam no horário de expediente. Ainda de acordo com o Bradesco, estes telefones não devem ser levados para casa.

O Sindicato havia cobrado o banco sobre o tema em reunião realizada no dia 25 de outubro em Belo Horizonte, com a presença de representante do setor de RH da matriz do Bradesco e das diretorias regionais Minas 1 e Minas 2.

O assunto foi retomado em reunião da COE com o banco no dia 25 de novembro em São Paulo, também com participação do Sindicato.

Diante da intransigência do Bradesco, o Sindicato insistirá na questão para evitar a exposição dos números dos gerentes. A entidade irá também visitar unidades de trabalho para conversar com os trabalhadores e analisar como a situação tem afetado seu dia a dia e o desempenho de suas funções.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região

 

 

Compartilhe: