O Coletivo Nacional de Comunicação dos Bancários começou a debater, nesta segunda-feira, 19, a mídia da Campanha Nacional 2018.

Por se tratar de um cenário adverso para os trabalhadores, o presidente da Contraf-CUT, Roberto von der Osten, fez uma análise de conjuntura. “Passamos por momentos muito difíceis para toda a classe trabalhadora e os bancários precisam, mais uma vez, estar na vanguarda da luta e de organização para sairmos vencedores neste ano”, afirmou.

Para Gerson Carlos Pereira, secretário de Comunicação da Contraf-CUT, a reunião foi muito positiva. “O debate nos deu a exata noção do que acontece na categoria nos mais diferentes cantos do país. Agora temos de fazer um exercício de reflexão para, no próximo encontro, trazermos ideias mais concretas para a Campanha Nacional 2018”, explicou.

O próximo encontro ficou marcado para o dia 9 de abril na sede da Contraf-CUT. Nesta data, as entidades apresentarão ideias para serem avaliadas pelo Coletivo.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: