Novas manifestações em defesa da democracia estão marcadas para esta quinta-feira, 31, em todo o Brasil. A Contraf-CUT convoca, mais uma vez, trabalhadoras e trabalhadores a se unirem a esta mobilização, que tratará também da defesa dos direitos dos brasileiros.

Manifestações serão realizadas em todos os estados do país. Em Belo Horizonte, várias atividades serão realizadas e a concentração ocorre a partir das 17h na Praça da Estação. Confira mais informações no evento:

https://www.facebook.com/events/227822384238571/

“O golpe é contra o trabalhador. O impeachment só vai dar mais força para as pautas conservadoras que tramitam no Congresso Nacional, como a terceirização sem limites e o enfraquecimento das estatais. Precisamos nos unir para evitar retrocessos e defender a democracia”, explicou o presidente da Contraf-CUT, Roberto von der Osten.

“Dia 31 é dia de ocupar todos os espaços nas ruas deste país. É dia de luta pela democracia e contra o golpe. É dia de luta pelos direitos da classe trabalhadora, pelas políticas sociais que os golpistas querem acabar. Querem acabar com a política de valorização do salário mínimo, com a carteira de trabalho, querem acabar com nossos direitos e isso nós não vamos permitir”, ressaltou o presidente da CUT Nacional, Vagner Freitas.

Compartilhe: