Débora Fonseca venceu a eleição para representante dos funcionários do Banco do Brasil no Conselho de Administração (Caref). Com 25.587 votos, contra 7.986 do segundo colocado, a candidata apoiada pelo Sindicato, assim como pela Contraf-CUT e grande parte das entidades representativas, foi reeleita na votação em segundo turno que ocorreu entre 29 de janeiro e 4 de fevereiro.

A bancária tem como principal plataforma a defesa do BB como instituição pública, sendo contra a privatização e o enfraquecimento do banco. Ela se manifestou contra o plano de reestruturação anunciado pela direção do BB em janeiro, considerado uma forma de desmontar o banco público.

Nos dois anos do primeiro mandato, Débora participou de inúmeras atividades em defesa do BB como instituição pública, procurando apoio junto a parlamentares, membros do Poder Executivo, associações e entidades de classe de trabalhadores e empresariais. Agora, seguirá este trabalho em defesa do BB.

“Débora Fonseca, com o nosso apoio, irá fazer mais um mandato em defesa dos interesses do funcionalismo e do Banco do Brasil como instituição pública, a serviço da população e do país”, destacou Márcio Chaves, funcionário do BB e diretor do Sindicato.

 

Compartilhe: