Começou nesta segunda-feira, 11 de novembro, o processo eleitoral que elegerá o representante dos empregados da CAIXA no Conselho de Administração do banco. Até o dia 18 de novembro, empregadas e empregados da ativa poderão votar, de forma direta, secreta e eletrônica através do SISRH.

O Sindicato dos Bancários de BH e Região apoia a candidatura de seu diretor Jurídico, Fernando Neiva, pela Chapa 130, com Maria Rita Serrano como suplente. A candidatura de Fernando é a garantia de representação real dos interesses dos empregados na principal instância decisória da CAIXA.

Fernando Neiva é economista com extensão em Agenda das Políticas Públicas: Tendências Contemporâneas e pós-graduação em Políticas Públicas, Estratégia de Gestão. Atualmente, cursa Direito. Ingressou na CAIXA em 1989 e integrou as diretorias do Sindicato dos Bancários de BH e Região a partir de 1996, tendo sido presidente entre 1999 e 2008. Atualmente, é diretor do Departamento Jurídico da entidade. Foi também membro do Conselho Fiscal da APCEF/MG, diretor da Fenae e da CUT Nacional.

Conquista dos trabalhadores

O direito à representação no Conselho de Administração é uma conquistas dos trabalhadores e foi assegurado pela lei nº 12.353, de 28 de dezembro de 2010, sancionada pelo ex-presidente Lula e posteriormente regulamentada pela presidenta Dilma Rousseff. O texto garantiu a participação de um representante dos empregados nos conselhos de administração de todas as empresas públicas e sociedades de economia mista no Brasil.

Após a regulamentação da lei, a CAIXA agiu autoritariamente e tentou promover eleições discriminatórias, adotando critérios que, na prática, permitiam apenas que gestores se candidatassem ao cargo. Foi a pressão do movimento sindical que obrigou a CAIXA a recuar e modificar as regras do processo eleitoral e assegurar uma eleição mais justa.

Entre os dias 11 e 18 de novembro, vote Chapa 130 – Fernando Neiva e Maria Rita Serrano (suplente) – para o Conselho de Administração da CAIXA.

Compartilhe: