Foto: Contraf-CUT

Foto: Contraf-CUT

A Federação Interestadual das Instituições de Crédito, Financiamento e Investimento (Fenacrefi) ofereceu para os financiários, em reunião realizada na tarde da terça-feira, 11, uma proposta de reajuste de 8% nos salários, mais abono de R$2.000,00, reajuste de 10% no vale refeição e no auxílio creche-babá e de 15% no vale alimentação. Para 2017, a Fenacrefi aceitou repor integralmente a inflação (INPC/IBGE) mais 1% de aumento real nos salários e em todas as verbas. A Contraf-CUT orienta a aceitação da proposta.

O texto conta também com o abono dos dias parados, o aumento da licença paternidade para 20 dias e o abono assiduidade, que dá direito a uma folga por ano.

Clique aqui e veja a proposta completa.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: