Um fórum paritário, integrado por representantes dos empregados e da CAIXA, se reúne nesta quarta-feira, 27, em Brasília, para discutir questões relacionadas à estrutura física e instalações de agências, jornada de trabalho, assédio moral e metas abusivas, entre outros problemas.

Estarão em debate, por exemplo, se o número de empregados nas unidades está adequado, se as agências estão estruturadas para assegurar bom atendimento à população ou se todos os trabalhadores têm chances iguais para evoluir na carreira.

Outra comissão paritária, constituída para tratar exclusivamente do Processo Seletivo Interno (PSI), fará reunião em data ainda a ser agendada. Caberá a essa comissão debater critérios claros e objetivos para a ascensão profissional.

Os dois fóruns são conquistas da vitoriosa Campanha Nacional 2013, quando os trabalhadores dos bancos públicos e privados tiveram que recorrer à greve para fazer valer suas reivindicações.

O movimento nacional dos empregados defende que uma nova unidade só passe a funcionar com dotação correta de empregados, levando-se em conta a região em que for instalada e possível demanda, para evitar sobrecarga de trabalho.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT e Fenae

Compartilhe: