Após solicitação enviada pela representação dos funcionários na terça-feira, 7, à Caixa de Previdência dos Funcionários do Banco do Brasil, a diretoria executiva da Previ decidiu que participantes do Plano 1 que possuem contratos ativos de Empréstimo Simples (ES) poderão requerer a suspensão da cobrança das prestações de janeiro, fevereiro e março de 2014.

A operação, que ainda não está disponível, foi aprovada ainda na terça-feira pela diretoria executiva e será implementada no autoatendimento do portal da Previ. Depois do pedido de suspensão do pagamento das prestações de seus contratos de ES, não haverá possibilidade de cancelamento da operação.

A suspensão da cobrança das prestações até março é uma forma de diminuir o impacto do fim do Benefício Especial Temporário (BET) diante do retorno das contribuições a partir deste mês de janeiro, conforme nota divulgada pela diretoria da Previ na última sexta-feira, 3.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: