O Comando Nacional dos Bancários, coordenado pela Contraf-CUT, se reúne no próximo dia 22 (sexta-feira), às 10h, com o Banco do Brasil para a primeira rodada de negociação específica da Campanha Nacional dos Bancários 2014, em Brasília. Estarão em discussão as demandas sobre saúde e condições de trabalho.

A pauta específica de reivindicações dos funcionários foi entregue à direção do BB, na última segunda-feira (11), na sede da Fenaban, em São Paulo, logo após a entrega da minuta unificada da categoria aos bancos.

“Vamos cobrar a melhoria da saúde e das condições de trabalho no BB, mais contratações e o fim do assédio moral e das metas abusivas, que estão levando os trabalhadores ao adoecimento”, afirmou Wagner Nascimento, coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, que assessora o Comando nas negociações com o banco.

O BB lucrou R$ 2,648 bilhões somente no primeiro trimestre de 2014. No ano passado, o banco obteve lucro recorde de R$ 15,8 bilhões.

“Com esse lucro gigantesco, não faltam recursos financeiros para que o BB atenda as reivindicações gerais e específicas dos funcionários. Queremos soluções concretas para transformar a realidade enfrentada diariamente pelos trabalhadores do banco”, destacou Wagner.

Reunião preparatória

A Contraf-CUT promove uma reunião da Comissão de Empresa no dia 21 (quinta-feira), às 14h, na sede da Confederação, em Brasília, para preparar os debates acerca da primeira rodada de negociação com o BB.

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: