Funcionárias e funcionários do Itaú já começam a perceber melhorias no plano de saúde após um longo processo de negociação e cobranças do Sindicato, inclusive com ações na Justiça. No dia 11 de junho, em Belo Horizonte, mais uma reunião foi realizada entre os representantes dos trabalhadores e a Fundação Saúde Itaú para acompanhar as mudanças que vêm sendo implementadas.

Entre as melhorias, estão a ampliação da rede de atendimento, com o credenciamento de mais profissionais e mais qualidade no atendimento aos usuários. Uma das medidas acordadas é, por exemplo, buscar conveniar consultórios de médicos já conhecidos pelos usuários e que também atendem em hospitais conveniados.

A Fundação Saúde Itaú informou que os bancários podem indicar profissionais para que eles sejam credenciados no plano de saúde.

Bancárias e bancários também podem entrar em contato com diretores do Sindicato para indicações de novos credenciados, reclamações em relação ao funcionamento do plano e outras sugestões.

Outro avanço foi a criação de um Grupo Técnico de Estudo e Acompanhamento, que já vem se reunindo trimestralmente e é composto por três representantes do Sindicato e três da Fundação. As reuniões, como a realizada no dia 11 de junho, têm o objetivo de acompanhar as mudanças promovidas no plano.

Os bancários conquistaram, ainda, melhores condições para a permanência de agregados. Funcionários com origem no Itaú, admitidos até 28/02/2010, podem manter dependentes maiores de 25 anos, desde que estes sejam solteiros e assumam o custo integral do plano de saúde. Já funcionários com origem no Unibanco, admitidos até 28/02/2010, podem manter os filhos de até 27 anos no plano.

O banco já informou que encaminhará, nos próximos dias, um comunicado aos funcionários que tiveram seus dependentes excluídos indevidamente no decorrer da ação judicial do Sindicato, dando opção aos mesmos de retornarem como agregados, de acordo com as exigências negociadas. Os trabalhadores devem ficar atentos aos prazos que serão informados.

Para facilitar o acesso dos usuários a informações sobre o plano, à rede credenciada, à marcação de consultas e reembolsos, também estão sendo realizadas melhorias no site e a criação de um aplicativo para celular.

Histórico

Com uma ação judicial em 2010, o Sindicato assegurou a manutenção das condições dos planos de saúde de bancários provenientes do Unibanco (Unimed) e do Itaú (Fundação Saúde Itaú).

Porém, após a vitória na Justiça, percebeu-se que a Fundação estava sucateando a assistência aos funcionários, com descredenciamentos e piora na qualidade do atendimento.

O Sindicato, então, acionou novamente a Justiça para denunciar o sucateamento e cobrar melhorias. Isto pressionou o banco a estabelecer negociação com os representantes dos funcionários para buscar soluções para os problemas e denúncias apresentados.

Desde então, com o acompanhamento do Sindicato, a Fundação Saúde Itaú vem promovendo mudanças no plano de saúde.

 

Compartilhe: