O Sindicato participa nesta terça-feira, 30 de outubro, das 9h às 17h30, da oficina “Rotatividade nos bancos: dados setoriais e diretrizes para a ação sindical”. A atividade é realizada pela Contraf-CUT e o Dieese, com o apoio da Fundação Friedrich Ebert (FES) e acontece na sede do Dieese (rua Aurora nº 957 – 6º andar), centro de São Paulo. O Sindicato é representado pelo seu presidente Cardoso e pelo diretor Marco Aurélio Alves.

O objetivo é apresentar a metodologia do cálculo da rotatividade, analisar e discutir as estatísticas de rotatividade do setor e propor ações para engajar dirigentes sindicais, atores governamentais, parlamentares e centrais sindicais no debate sobre esse importante tema para o emprego da categoria.

Os resultados da 14ª Pesquisa de Emprego Bancário, feita com base nos dados do Caged e divulgada em agosto pela Contraf-CUT e Dieese, revelaram que a rotatividade continua sendo alta nas instituições financeiras.

No primeiro semestre deste ano, os bancos contrataram 23.336 empregados e desligaram 20.986, gerando apenas 2.350 novos postos de trabalho, o que representa um recuo de 80,40% em comparação com o mesmo período do ano passado, quando foram criadas 11.978 vagas.

A remuneração média dos admitidos foi de R$ 2.708,70 e a dos desligados de R$ 4.193,22, o que significa uma diferença de 35,40%. Já na economia brasileira, como um todo, a diferença entre a média salarial dos contratados foi 7% inferior a dos demitidos.

Para o presidente do Sindicato, Cardoso, a alta rotatividade nos bancos vem sendo utilizada para travar a expansão da massa salarial e aumentar ainda mais os lucros. “Os seis maiores bancos lucraram R$ 25,2 bilhões no primeiro semestre e ainda provisionaram R$ 39,15 bilhões para devedores duvidosos, um grande exagero para uma inadimplência que cresceu apenas 0,7 ponto percentual no período. Daí a importância de compreendermos este mecanismo perverso utilizado pelos bancos e buscarmos uma ação sindical forte contra ele para proteger os nossos empregos e salários”, afirmou.

Compartilhe: