A atuação do Sindicato em defesa da categoria, por meio do seu Departamento Jurídico, garantiu a reintegração administrativa de mais três bancários do Bradesco, totalizando seis reintegrações desde o final de outubro. Os trabalhadores haviam sido demitidos de forma irregular pelo banco, que teve que voltar atrás após a atuação da entidade.

Para conquistar a reintegração, o Sindicato baseou-se na cláusula 27 da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria, que garante estabilidade provisória no emprego de quem está próximo de se aposentar. Veja a cláusula na íntegra aqui.

“Estamos do lado das bancárias e dos bancários na defesa do emprego, da saúde e de condições dignas de trabalho. O Departamento Jurídico atua para assegurar os direitos da categoria e a reintegração de mais três bancários do Bradesco é uma vitória muito importante. A filiação ao Sindicato é fundamental para fortalecer nossa luta. Estamos juntos”, afirmou Giovanni Alexandrino, funcionário do Bradesco e diretor do Sindicato.

O diretor Jurídico do Sindicato, Élcio Chaves, destacou que o fim das demissões em BH e região e as reintegrações são fruto da luta e da atuação firme da entidade. “Antes de acionar o banco judicialmente, cobramos as reintegrações de forma administrativa, garantindo mais rapidez no processo. Tudo sem qualquer ônus para as bancárias e os bancários. Nossa luta permitiu, mais uma vez, reverter demissões indevidas feitas pelo Bradesco em nossa base”, explicou.

Bancárias e bancários associados ao Sindicato têm orientação jurídica gratuita e podem procurar a entidade, sempre que necessário, para os devidos encaminhamentos. O contato com o Departamento Jurídico pode ser feito pelos telefones (31) 3279-2839 e 3279-7845. Os trabalhadores também podem utilizar o Fale Conosco.

 

Compartilhe: