Atuando em defesa dos trabalhadores, o Sindicato paralisou as atividades de mais uma agência do Itaú nesta quinta-feira, 31 de outubro. Diretores da entidade estiveram na agência 5611 (Avenida Brasil), em Belo Horizonte e constataram que os funcionários não tinham condições dignas de trabalho e atendimento.

Em decorrência de um problema elétrico, algumas baterias queimaram e deixaram a agência com um cheiro insuportável.

Diante do fato, o Sindicato foi à unidade e impediu que ela funcionasse, cobrando do banco uma solução para o problema. Após o contato do Sindicato, o Itaú se comprometeu a enviar uma equipe de manutenção para que a situação seja resolvida até o final da tarde desta quinta-feira, 31.

“Ficamos preocupados com o cheiro que constatamos na agência, insuportável e tóxico devido ao equipamento que queimou. Vamos acompanhar o caso e voltaremos à unidade na manhã desta sexta, 1º de novembro, para verificar se há condições dignas de trabalho e atendimento. Caso contrário, não permitiremos a abertura da agência”, afirmou Valdênia Ferreira, que é funcionária do Itaú e diretora do Sindicato.

 

 

 

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região

 

Compartilhe: