reuniaouniamericas2_5dez

O Sindicato, representado por sua presidenta Eliana Brasil, participou, nesta segunda-feira, 5, em Medellín, na Colômbia, da reunião de avaliação do Projeto UNI Américas Finanças. O evento, que antecede a 4ª Conferência Regional da UNI Américas Finanças, contou com avaliação do processo de aprovação da ordem do dia da Conferência, além da eleição do Comitê de Credenciais e do Comitê de Resoluções.

Durante o evento, os países presentes reafirmaram o desejo dos trabalhadores por democracia e paz. Além disso, destacaram a importância de avançar na consciência e na solidariedade de classe para fazer frente ao ressurgimento de movimentos fascistas e de ódio.

A mesa de abertura da 4ª Conferência Regional da UNI Américas Finanças contou com a presença das seguintes lideranças: Rita Berlofa, presidenta Mundial da UNI Finanças, Marcio Monzane, da UNI Américas, Trevor Johnson, 2º vice-presidente da UNI América Finanças e Angelo Di Cristo, chefe mundial da UNI Finanças e Roberto von der Osten, presidente da Contraf-CUT  e 1º vice-presidente de UNI Américas Finanças, que conduzirá a Conferência na ausência (justificada) de Sergio Pallazzo, presidente da UNI Américas Finanças.

A Conferência conta com a participação de 46 delegados e observadores, e 32 convidados de 20 entidades sindicais de 14 países das Américas.

A reunião teve três painéis. O primeiro “Novos Canais dos bancos, a uberização bancária”, foi exposto pelo professor John Sendanyoye, especialista internacional do trabalho. O segundo painel, que foi exposto pela Associação de empregados Bancários do Uruguai (AEBU), destacou a “Regulação do sistema financeiro global, normas de Basileia e do seu impacto em entidades Financeiras da América” e o terceiro painel, apresentado pela Federação dos Trabalhadores bancários do Paraguay (Fetraban), foi “UNI América Finanças apoia os Sindicatos”.

reuniaouniamericas1_5dez

Fonte: Sindicato dos Bancários de BH e Região com Contraf-CUT

Compartilhe: