Fotos: Alessandro Carvalho – Confira mais imagens ao final da matéria.

 

Bancárias e bancários estão nas ruas nesta terça-feira, 5 de dezembro, para dizer não à reforma da Previdência proposta por Temer. Para protestar contra o projeto que visa destruir a aposentadoria dos brasileiros, o Sindicato realizou ato durante a manhã na praça Sete, no centro de Belo Horizonte.

Durante a mobilização, foram distribuídos materiais informativos para conscientizar a população sobre as ameaças presentes na reforma que Temer tenta aprovar no Congresso. Além de aumentar a idade mínima para se aposentar e acabar com a aposentadoria por tempo de contribuição, a proposta tem o objetivo de diminuir o valor dos benefícios. Confira o material na íntegra aqui.

Juntamente com a nova lei trabalhista, a reforma da Previdência de Temer representa uma tragédia para os direitos dos brasileiros e, por isso, a mobilização permanente é fundamental.

A categoria bancária também estará presente no ato unificado de trabalhadores e movimentos sociais a ser realizado a partir das 17h desta terça-feira, com concentração na praça Afonso Arinos, no centro da capital mineira. Neste dia 5 de dezembro, trabalhadores de todo o país estão mobilizados e realizam manifestações em diversas cidades. Participe você também!

“A pressão nas ruas é a única forma de impedir que Temer leve à frente seu projeto neoliberal, que visa destruir direitos, acabar com a aposentadoria dos brasileiros e entregar as riquezas do nosso país. O discurso de que a reforma da Previdência colocará fim a privilégios é uma farsa, pois sabemos que os verdadeiros privilegiados não serão afetados pelas mudanças”, afirmou a presidenta do Sindicato, Eliana Brasil.

 

 

Veja mais imagens do ato realizado na manhã desta terça-feira:

(Fotos: Alessandro Carvalho)

 

Compartilhe: